Deus Decide Amar

A Escritura tem uma artilharia de termos para amor, cada um calibrado para alcançar um alvo diferente. Considere a palavra que Moisés usou com seus seguidores em Deuteronômio 10:15 “o Senhor se afeiçoou aos seus antepassados e os amou, e a vocês, descendentes deles, escolheu entre todas as nações, como hoje se vê”. O que os Hebreus ouviram em seu idioma foi isso: O Senhor se une a seu povo. Se unir é a palavra hasaq – uma palavra que fala de um amor amarrado, um amor vinculado a alguém ou alguma coisa. Amarrado. A correia que amarra tem duas funções, puxar e afirmar. Como puxar seu filho de uma confusão e ao fazer isso proclamar, Sim, ele parece um selvagem, mas ele é meu.

Neste caso, Deus se amarrou a Israel. Porque eles eram tão amáveis? Não. Deus ama Israel e o resto de nós porque ele decide nos amar. O amor de Deus… é o amor que não larga o objeto deste amor!

Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “God Chooses to Love”
de “3:16 O Texto da Esperança”

Max-Instagram-Logo-110x55

Max Lucado é o autor do devocional “Max Diário”, Copyright © 2020, Max Lucado. Traduções por Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (NVI), da Sociedade Bíblica Internacional, salvo indicação em contrário.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Assine o Devocional
Max Diário

DEVOCIONAL DIÁRIO