A Maravilha Radical da Graça

Confissão! A palavra traz à mente muitas imagens, nem todas as quais são positivas! Confissão não é dizer a Deus o que ele não sabe. Isso é impossível. Confissão não é reclamar. Se eu meramente recitar os meus problemas e relembrar as minhas dificuldades, estou choramingando. Confissão não é culpar. Apontar os dedos para os outros, sem apontar para mim, sente bem, mas não promove a cura.

Confissão é tanto mais. Confissão é depender radicalmente da graça. Uma proclamação da nossa confiança na bondade de Deus. O que eu fiz foi errado, podemos reconhecer, mas a sua graça é maior que o meu pecado, então eu confesso. Se nosso entendimento da graça é pequeno, nossa confissão será pequena… relutante, irresoluta, cercada de desculpas e qualificações, cheia de medo e punição. Mas a graça grandiosa cria uma confissão honesta. A confissão honesta abre o caminho para a graça radicalmente maravilhosa.

Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Radically Amazing Grace”
de “God is With You Every Day”

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
REFLEXÕES SEMANAIS
Receba Devocionais Diários de Max no seu inbox