A Fonte de Amor

Você já tem o bastante de amor humano, não é? O bastante de revistas lhe dizendo que para ter o amor verdadeiro, só falta aquela dieta. O bastante de expectativas de chefes, parentes e pastores. O bastante de manhãs cheirando dos erros que você cometeu na sua busca por amor na noite anterior.

Você não precisa de uma fonte de amor que não irá secar? Você a encontrará numa colina de pedras fora dos muros de Jerusalém, onde Jesus é pendurado, cravado numa cruz e coroado de espinhas. Quando você se sente na falta de amor, suba esta colina. Medite bastante no amor do céu por você. Os dois olhos fechados pelos murros, ombros como carne moída, lábios sangrentos e rachados. Punhados de cabelo arrancados da sua barba. Arfadas de ar escapando dos seus pulmões. Enquanto você olhar para o rosto sangrento do único Filho do céu, lembre-se disso: “Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores” (Romanos 5:8 NVI).

Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “A Fountain of Love”
de “Graça Para o Momento II”

Que tal refletir numa porção das palavras de Jesus todos os dias?

, , , , ,