Perguntas de Deus

Ouça a pergunta que Deus fez a Jó: “Onde você estava quando lancei os alicerces da terra? Diga-me, se você sabe tanto” (Jó 38:4). Uma pergunta teria sido suficiente para Jó, mas não é suficiente para Deus. As perguntas vêm rapidamente. Elas se espalham nas câmaras do coração de Jó com uma selvageria, uma beleza e um terror que deixa cada Jó que já viveu encharcado e sem palavras, observando o Mestre redefinir quem é quem no universo.

As perguntas de Deus a Jó não têm a intenção de ensinar; elas se destinam a atordoar. Elas não têm a intenção de mexer com a mente; destinam-se a dobrar seus joelhos. “Não devo nada a ninguém”, declara Deus no bramido do vento. “Tudo que está debaixo do céu é meu” (Jó 41:11). Jó não conseguia discutir. Deus não devia nada a ninguém. Sem explicações, sem desculpas. O que torna o fato de ele ter nos dado tudo ainda mais surpreendente.

Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “God’s Questions”

Max-Instagram-Logo-110x55

Max Lucado é o autor do devocional “Max Diário”, Copyright © 2021, Max Lucado. Traduções por Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (NVI), da Sociedade Bíblica Internacional, salvo indicação em contrário.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Assine o Devocional
Max Diário

DEVOCIONAL DIÁRIO