A Crise da Demora

“No entanto, quando ouviu falar que Lázaro estava doente, (Jesus) ficou mais dois dias onde estava” (João 11:6 NVI). A crise da enfermidade foi exacerbada pela crise da demora. Dias passaram. Nada de Jesus. Lázaro começou a definhar. Nada de Jesus. Lázaro morreu. Nada de Jesus. A crença rabínica de Israel ensinava que por três dias uma alma vagava fora do corpo, mas no quarto dia o deixa de forma permanente. Jesus estava um dia atrasado, ou parecia. Versículos 21-22 “Disse Marta a Jesus: ‘Senhor, se estivesses aqui meu irmão não teria morrido. Mas sei que, mesmo agora, Deus te dará tudo o que pedires’.”

Talvez você, assim como Marta, ficou desapontado. Você falou para Jesus da sua enfermidade. Você esperou no leito do hospital. Agora a morte vem. Você conseguiria imitar a fé de Marta? Você poderia dizer, “Mesmo agora, acredito em Deus”? Lembre-se, amigo, você nunca está só.

Tradução por Dennis Downing
Em Inglês: “Crisis of Delay”

Max-Instagram-Logo-110x55

Max Lucado é o autor do devocional “Max Diário”, Copyright © 2021, Max Lucado. Traduções por Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (NVI), da Sociedade Bíblica Internacional, salvo indicação em contrário.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Assine o Devocional
Max Diário

DEVOCIONAL DIÁRIO