Julgando os Outros

É uma coisa ter uma convicção – é outra coisa passar um veredito. Paulo disse em Romanos 2:1, “Portanto, você, que julga os outros é indesculpável; pois está condenando a si mesmo naquilo em que julga, visto que você, que julga, pratica as mesmas coisas.” (NVI)

É nosso dever odiar o pecado. É trabalho de Deus lidar com o pecador. Deus nos chamou a detestar o pecado, mas ele nunca nos chamou a desprezar o pecador. Mas, como nós gostaríamos! Será que tem algum ato que dá mais satisfação do que julgar os outros? Há algo de bastante satisfatório em bater o martelo e declarar – “Culpado!”

Julgar os outros é um jeito rápido e fácil de se sentir bem consigo mesmo. Mas, esse é o problema. Deus não nos compara com eles. Eles não são o padrão. Deus é. E comparado com ele, Paulo nos lembra em Romanos 3:12 “Não há ninguém que faça o bem”.

Tradução de Dennis Downing
em inglês “Judging Others”
de “Nas Garras da Graça”

Max Lucado é o autor do devocional “Max Diário”, Copyright © 2021, Max Lucado. Traduções por Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (NVI), da Sociedade Bíblica Internacional, salvo indicação em contrário.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Assine o Devocional
Max Diário

DEVOCIONAL DIÁRIO